Primeira petralhada do Vato

coxinha ditadura
Agora virou moda pensar que é revolucionário (Na verdade desde 2013).
O problema é que ter um pensamento revolucionário não se resume a falar mal do governo e sim estudar e fundamentar as críticas, não se basear em um ponto de vista do senso comum e sim ter visão crítica sobre cada notícia.
As fontes utilizadas por estes pseudo-revolucionários muitas vezes se resumem na grande velha mídia (que apresenta as notícias de forma tendenciosa) e em algumas páginas de Facebook as quais não tem a mínima credibilidade, sem contar os pseudo-filósofos que vão surgindo e liderando movimentos. Sim, eu tenho meu posicionamento perante aos atuais acontecimentos, mas esse post não se resume a um ataque a quem se opõe ao que eu penso e sim uma visão crítica sobre pessoas que não se preocupam com a credibilidade daquilo que compartilham ou com as meias verdades expostas pela grande mídia.

“Numa época de mentiras universais, dizer a verdade é um ato revolucionário.”
-George Orwell

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s